Publicidade
Imagem de apresentação de Ana Mena, Melendi e Thirty Seconds To Mars encerram em grande o festival O Son do Camiño.
Thirty Seconds to Mars no O Son Do Camiño / Paulo Pinho

Ana Mena, Melendi e Thirty Seconds To Mars encerram em grande o festival O Son do Camiño.

Ana Mena, Tom Odell, Melendi e Thirty Seconds to Mars, a banda liderada por Jared Leto, animaram mais de 40 mil pessoas que estiveram presentes no último dia do festival.

Imagem de perfil de Ana Quintanilha
Ana Quintanilha
Jornalista
Imagem de perfil de Paulo Pinho
Paulo Pinho
Fotógrafo
Domingo, 2 de Junho de 2024, às 09:37

Após três dias intensos de muita música para todos os públicos e idades, O Son do Camiño encerrou em grande. De quinta a sábado, mais de 40 mil pessoas por dia encheram o Monte do Gozo, onde atuaram artistas de renome como Green Day, J Balvin, Pet Shop Boys, La Oreja de Van Gogh e Myke Towers.

Melendi, Ana Mena e Thirty Seconds To Mars foram os protagonistas do terceiro e último dia, que começou às 15h40 com a atuação dos madrilenos New Wave Kill. Depois deles, subiu ao palco o galego Carlos Ares e a rapper catalã BB Trickz, que encerrou a sua participação no festival cantando o famoso "Soy la más mala de España". Após ela, a música tradicional galega ganhou destaque com a atuação de Baiuca, perante uma plateia já quase lotada.

Pouco depois das 19h00, subiu ao palco Ana Mena, de Málaga, uma das atuações mais aguardadas de sábado. Diante de um Monte do Gozo repleto, o público dançou e cantou temas como "Quiero decirte", "Las 12" e "Música ligera". A artista também fez uma versão da música "Puedes contar comigo" de La Oreja de Van Gogh, que tinha sido tocada no festival 24 horas antes. O ponto alto da sua atuação foi "Madrid City", com a qual fez todo o público dançar e saltar.

Se no concerto de Ana Mena o público era muito jovem, com muitas crianças e adolescentes, a média de idades aumentou consideravelmente para o espetáculo de Melendi. Apesar de competir com a final da Liga dos Campeões, o asturiano teve uma plateia fiel. Com uma referência ao Deportivo, Melendi revisitou clássicos do seu repertório como "Un violinista en tu tejado", "Barbie de extrarradio", "Con la luna llena" e "Caminando por la vida", que foram cantados em uníssono por milhares de pessoas.

Antes de Melendi, subiu ao palco Estrella Galicia o britânico Tom Odell que, sentado ao piano, ofereceu um concerto intimista culminando com o seu famoso "Another Love". No mesmo palco, às 23h30, subiu a banda californiana Thirty Seconds To Mars, o cabeça de cartaz de sábado. O grupo liderado por Jared Leto encantou o público com um concerto onde tocaram temas como "Rescue Me", "Up in the Air" e "Walk on Water", permitindo em várias ocasiões que jovens subissem ao palco para dançar e cantar com eles.

O rapper Rels B deu continuidade à festa com temas como "A Mí" e "Cómo Dormiste?". Após ele, o DJ sevilhano Wade, autor de êxitos como "Mi Amor" e "Passion", fechou o festival em grande estilo.

Abrir e fechar defininições de cookies