Reportagem

Primeira década dos HMB celebrada em grande no Coliseu do Porto

Os HMB celebraram dez anos de carreira com aqueles que mais os apoiaram: milhares de pessoas no público e convidados especiais, no Coliseu do Porto, a 17 de novembro.

O concerto começou com um solo do vocalista Héber Marques com as cortinas fechadas, criando um ambiente intimista. Os primeiros acordes de "Vai ou Racha” foram o sinal para as cortinas abrirem e para o público gritar com mais força e para as emoções saírem à flor da pele.

O concerto foi planeado para a plateia estar sentada, mas não durante todo o tempo, já que a canção "Só nós os Dois" fez que muitas pessoas se levantassem e dançassem.

O ambiente criado era ideal para as ‘selfies’ durante a interpretação de "Sorri para mim". O cantor convidou toda a gente a tirar um ‘selfie’ para publicar nas redes sociais usando as hashtags #maishmb e #primeiradécada.

O espetáculo contou com a presença de Miguel Araújo para cantar “Tudo Muda” e dos Expensive Soul para lembrar que “O Amor É Mágico”.

O coração saltava para fora do “Peito”, fazendo Héber Marques descer e mover-se por entre o público a cantar, aproveitando para cumprimentar mais algumas pessoas que o iam acompanhando em coro.

O final foi de grande festa com a música "Naptel Xulima", chave de ouro para terminar o concerto de celebração da primeira década dos HMB.

Publicidade

Próximos eventos

21Dez

Linda Martini + The Legendary Tigerman

Lisboa

06Jan

Alt-J

Lisboa

20Jan

Soy Luna

Lisboa

25Jan

Carla Bruni

Lisboa

27Jan

Carla Bruni

Porto

01Fev

Metallica

Lisboa

02Fev

Richie Campbell

Lisboa

Aceito Utilizamos cookies para assegurar que lhe fornecemos a melhor experiência na nossa página web.
  • por ,
  • por ,
  • por ,