/ Backstage - Bruno Correia
Sáb, 30 Mar às 13:41

Carolina Deslandes: o amor, a verdade e a família em concerto no Porto

Foi com casa cheia que Carolina Deslandes se estreou, em nome próprio, no Coliseu do Porto Ageas, na passada sexta-feira (29 de março). Num concerto que mostrou a “Casa” – mais recente disco, lançado em abril de 2018 – da artista, mas que não esqueceu o início da carreira de Carolina Deslandes.

Talvez para quem apenas conheceu Carolina Deslandes já depois de começar a escrever em português, o principiar do concerto tenha parecido algo estranho. Foi com três canções do segundo álbum – “Blossom” (2016) – que a cantora iniciou a atuação no Porto: “Carousel”, “Fuse” e “Mountains” deram os primeiros acordes do espetáculo.

Se há dois anos atrás existiam dúvidas do sucesso que a cantora viria a ter, todas elas estão dissipadas. Carolina subiu ao palco do Coliseu do Porto – "o melhor palco de Portugal", afirmou Diogo Clemente, companheiro da artista – e contagiou os presentes com a sua energia, a sua verdade. Os braços no ar, as palmas, as ovações e até as lágrimas de emoção não faltaram num público formado por miúdos, muitos miúdos, e graúdos.

A Miúda Gosta”, “Aleluia” ou “Éramos Nós Dois” são alguns dos temas do novo álbum que a artista cantou, antes de presenciar um momento único em palco: a chegada de Rui Veloso e um Coliseu do Porto que ficou de pé para receber o seu conterrâneo. Juntos, pela primeira vez ao vivo, cantaram o sucesso “Avião de Papel”.

Seguiram-se “Adeus Amor Adeus” e “Heaven”, tema em que as lanternas subiram por todas as estrelas, como Carolina lhes chamou, que já cá não estão. “Quando tu dizes a tua verdade, vais sempre chegar ao coração de alguém”, garantiu a cantora.

Era tempo de receber em palco o seu companheiro, Diogo Clemente. Acompanhada pela guitarra de Diogo, cantou “Nos Teus Olhos” – tema dedicado ao filho mais velho, Santiago –, “Inquieta”, “Irene” – tema de Rodrigo Amarante que partilhou com a fadista Sara Correia – e, por fim, “Coisa Mais Bonita”.

Não Desistas Já De Mim” pautou-se numa inovação em palco, em formato de musical, um momento que Carolina partilhou com Diana Castro, Irma Dali e Soraia Tavares. “Nuvem”, “Circo de Feras” e “A Vida Toda” encerram aquela que foi a primeira atuação de Carolina Deslandes no Coliseu do Porto.

Para o encore ficou guardada a prata da casa: Jimmy P. Os dois artistas cantaram o primeiro e mais recente single que gravaram, “Contigo”. Como não podia deixar de ser, Carolina Deslandes fechou o concerto como começou a sua carreira, ou seja, com o tema “Não É Verdade”, de 2012, o seu primeiro grande sucesso.

Galeria

Etiquetas

Publicidade

Agenda

26Abr

Procol Harum

Lisboa

27Abr

No Name

Lisboa

27Abr

Procol Harum

Porto

27Abr

Fornova Melhores do Ano

Matosinhos

28Abr

Manel Cruz

Porto

30Abr

Aurea

Aveiro

30Abr

Mark Knopfler

Lisboa

Publicidade

Artigos semelhantes

  • [CAPA-EXISTE] [/CAPA-EXISTE]
    [SECCAO-EXISTE]

    [SECCAO-NOME-SINGULAR]

    [/SECCAO-EXISTE]

    [NOME]

    [LISTA-INTERVENIENTES] [LISTA-INTERVENIENTES-PRIMEIRO] por [/LISTA-INTERVENIENTES-PRIMEIRO] [LISTA-INTERVENIENTES-SEGUINTES], [/LISTA-INTERVENIENTES-SEGUINTES] [LISTA-INTERVENIENTES-TEMPLATE] [INTERVENIENTE-NOME] [/LISTA-INTERVENIENTES-TEMPLATE] [/LISTA-INTERVENIENTES]