Publicidade

Agenda

24Fev

The Tallest Man On Earth

Guimarães

28Fev

Dead Combo c/ Mark Lanegan

Lisboa

02Mar

Dead Combo c/ Mark Lanegan

Guimarães

08Mar

C4Pedro

Porto

09Mar

Crystal Fighters

Lisboa

09Mar

Mishlawi

Lisboa

10Mar

Crystal Fighters

Porto

Publicidade

Ter, 24 Abr 2018 às 20:06

Arcade Fire deixaram o Campo Pequeno rendido

A noite de 23 de abril foi pontuada pelo regresso dos Arcade Fire a Portugal. O concerto em 360º, no Campo Pequeno, em Lisboa, estava já esgotado desde outubro do ano passado.

A banda de abertura, Preservation Hall Jazz Band, tocou durante 45 minutos, deixando no recinto uma sensação de tranquilidade e otimismo.

Passava pouco das 21:00 quando Arcade Fire subiram ao palco, que estava construído de modo a imitar um ringue de boxe. A sua entrada seguiu o mesmo tema, e os artistas foram apresentados como se partissem para um combate.

"Everything Now", tema que partilha o nome com o mais recente álbum da banda, foi a música escolhida para abrir o espetáculo. A partir daí, durante mais de duas horas quase ininterruptas, Arcade Fire revisitaram músicas de todos os seus álbuns de estúdio: "Funeral" (2004), "Neon Bible" (2007), "The Suburbs" (2010), "Reflektor" (2013) e "Everything Now" (2017).

Durante todo o concerto, a banda demostrou uma energia absolutamente espantosa e contagiante. Os fãs, por sua vez, entoaram em conjunto com os artistas as letras que tanto conhecem e adoram.

Tanto Win Butler como Régine Chassagne saíram várias vezes do palco, tendo atuado no topo de uma plataforma incorporada nas bancadas e, inclusive, dançado com os membros da plateia. Toda a proximidade demonstrada pela banda contribuiu para criar um ambiente que era, em si, já muito acolhedor.

O momento mais assoberbante da noite terá sido a interpretação do tema final. "Wake Up" rendeu a sua habitual (e, no entanto, sempre espantosa) reação: toda a música foi entoada a plenos pulmões pelo público, desde o seu início, até ao momento em que a banda saiu completamente do recinto.

Win Butler deixou as suas palavras de agradecimento, dizendo: "Estamos tão felizes por estar de volta. Muito obrigado!". E de volta estarão, novamente, este verão, no Vodafone Paredes de Coura. Resta esperar...

Etiquetas

Artigos semelhantes

  • [CAPA-EXISTE] [/CAPA-EXISTE]
    [SECCAO-EXISTE]

    [SECCAO-NOME-SINGULAR]

    [/SECCAO-EXISTE]

    [NOME]

    [LISTA-INTERVENIENTES] [LISTA-INTERVENIENTES-PRIMEIRO] por [/LISTA-INTERVENIENTES-PRIMEIRO] [LISTA-INTERVENIENTES-SEGUINTES], [/LISTA-INTERVENIENTES-SEGUINTES] [LISTA-INTERVENIENTES-TEMPLATE] [INTERVENIENTE-NOME] [/LISTA-INTERVENIENTES-TEMPLATE] [/LISTA-INTERVENIENTES]