Publicidade

Agenda

21Mar

Silva

Porto

22Mar

Paulo Gonzo

Lisboa

23Mar

The Gift

Lisboa

24Mar

Paulo Gonzo

Porto

28Mar

Shawn Mendes

Lisboa

29Mar

Silva

Lisboa

29Mar

Carolina Deslandes

Porto

Publicidade

/ Backstage © - Miguel Machado
Dom, 7 Jan 2018 às 14:00

Alt-J foram magnéticos e deixaram o público desejoso por mais

A noite de 06 de janeiro, no Parque das Nações, em Lisboa, foi preenchida pelos sons de alt-J, que confiaram à Altice Arena a sua grande estreia em nome próprio em Portugal.

A abertura do espetáculo ficou ao cargo de Marika Hackman, cantora e compositora inglesa, conhecida pelas suas músicas melancólicas do género folk. Marika Hackman entrou às 20:30 e esteve durante 45 minutos em palco com a sua banda, numa atuação enérgica.

Alt-J subiram ao palco pelas 21:45, recebidos pelo clamor hospitaleiro do público português, que encheu a plateia em pé e se distribuiu também pelos lugares do balcão 1. O espetáculo começou com o tema "Pleader", que denotou o modo como a acústica da Altice Arena faria jus aos sons envolventes da banda.

Com uma setlist que seria do agrado de qualquer fã de alt-J, juntando temas dos três álbuns "An Awesome Wave" de 2012, "This is All Yours" de 2014 e "Relaxer" de 2017, a plateia mostrou-se envolvida pelos sons magnéticos e cativantes da banda inglesa.

Músicas tais como "Left Hand Free", "In Cold Blood" e "Every Other Freckle" renderam uma resposta efervescente da plateia, fazendo notar uma energia que se propagou por toda a sala. Intercaladamente, a banda concedeu momentos mais calmos e imersivos, através da apresentação de temas como "Tesselate", "Something Good" e "Hunger Of The Pine".

Foi com "Matilda" e "Taro" que o público português demonstrou mais ardentemente o entusiasmo que lhe é característico e que o torna famoso. Ambas as canções criaram cenários arrebatadores, com um cantar em uníssono que quase se sobrepôs à voz de Joe Newman, que chegou até a “ceder a vez” ao público para que entoasse as letras que tanto o apaixonam.

Após a saída dos alt-J do palco e até ao momento em que voltaram a entrar, os gritos do público foram penetrantes. O encore foi composto por "Intro", "3WW" e, por último (e como não seria de admirar), "Breezeblocks", a mais prestigiada música da banda, que rendeu um final eletrizante.

Com apenas uma hora e 15 minutos, os alt-J fizeram uma estreia em nome próprio de muito sucesso, deixando o público da Altice Arena a pedir por mais.

Galeria

Etiquetas

Artigos semelhantes

  • [CAPA-EXISTE] [/CAPA-EXISTE]
    [SECCAO-EXISTE]

    [SECCAO-NOME-SINGULAR]

    [/SECCAO-EXISTE]

    [NOME]

    [LISTA-INTERVENIENTES] [LISTA-INTERVENIENTES-PRIMEIRO] por [/LISTA-INTERVENIENTES-PRIMEIRO] [LISTA-INTERVENIENTES-SEGUINTES], [/LISTA-INTERVENIENTES-SEGUINTES] [LISTA-INTERVENIENTES-TEMPLATE] [INTERVENIENTE-NOME] [/LISTA-INTERVENIENTES-TEMPLATE] [/LISTA-INTERVENIENTES]