The Strokes / The Times

The Strokes, Faith No More e Tom Misch no NOS Alive 2021

A organização do festival confirmou também The Lumineers, La Roux e Manel Cruz na edição do próximo ano.

Quinta-feira, 23 de Julho de 2020, às 13:17

O festival NOS Alive anunciou este manhã novas confirmações para a 14ª edição do festival que se realiza no próximo ano. The Strokes, Faith No More, La Roux, The Lumineers, Tom Misch e Manel Cruz são as seis novas confirmações, sendo que algumas delas transitaram da edição deste ano que entretanto foi cancelada.

Os The Strokes regressam a Portugal pela primeira vez desde 2011 e trazem na bagagem o seu novo álbum, The New Abnormal, lançado no início deste ano. A banda nova-ioquina será cabeça de cartaz no último dia do festival, dia 10 de julho.

No mesmo dia atuam também os Faith No More, que regressam a Portugal pela primeira vez desde 2010, assim como a cantora britânica La Roux e o artista português Manel Cruz, que lançou em 2019 o álbum Vida Nova.

O grupo indie pop The Lumineers atuam no dia 8 de julho, juntando-se aos já confirmados Red Hot Chili Peppers e Alt-J.

O artista britânico Tom Misch fecha o lote das mais recentes confirmações, atuando no dia 9 de julho.

Os bilhetes para a próxima edição do NOS Alive podem ser adquiridos nos locais habituais. O bilhete diário tem o custo de 69 euros, o passe de três dias (7, 8 e 9 de julho) custa 159 euros e o passe de quatro dias custa 189 euros.

Imagem de perfil de Paulo Lopes
Paulo Lopes
Jornalista
Próximos eventos
Set
30
North Music Festival
Centro de Congressos da Alfândega do Porto, Porto
Out
1
North Music Festival
Centro de Congressos da Alfândega do Porto, Porto
Out
2
North Music Festival
Centro de Congressos da Alfândega do Porto, Porto
Out
16
Fernando Daniel
Coliseu Porto Ageas, Porto
Nov
20
Bárbara Tinoco
Coliseu Porto Ageas, Porto
Dez
2
André Rieu
Altice Arena, Lisboa
Artigos relacionados
Política de Cookies
O nosso website utiliza cookies para identificar fluxo de tráfego e páginas mais visitadas por cada visitante, sem nunca guardar informação pessoal do utilizador. Esta informação ajuda-nos a perceber o que os nosso público-alvo procura e, com o conhecimento, ajudar-nos a melhorar o serviço que prestamos.