NOS Alive’17: o palco do fado já com programação definida

O cartaz do palco Fado Cafe do festival NOS Alive já está fechado e foi apresentado esta tarde numa conferência de imprensa no Museu do Fado, em Lisboa.

O cantor e compositor Miguel Araújo sobe ao palco no primeiro dia, 06 de julho, com um espetáculo especial exclusivamente pensado para essa ocasião.

No mesmo dia, o Fado Cafe recebe um dos mais importantes guitarristas da música portuguesa. Mário Pacheco já acompanhou grandes vozes como Amália Rodrigues e compôs canções interpretadas por Camané, Mísia e outros.

As madrugadas dos três dias, entre a meia-noite e as 04 horas, ficam a cargo do grupo Blues’n’Swing para proporcionar um ambiente mais ‘slow’ e intimista.

Dia 07 de julho é dia de uma atuação especial de Carminho, “rainha do fado” como sublinhou a promotora do festival, Everything is New, e ainda do jovem Janeiro que está a enriquecer o seu reportório com canções populares.

O último dia, 08 de julho, é dedicado a uma programação preparada em conjunto com a Tasca do Chico, uma casa de fado “histórica” e com prestígio. João Carlos, já com muitos anos passados na Tasca do Chico é o mais experiente, pois a seu lado vêm novos talentos que se destacaram nesta casa de fado vadio.

É o caso de Maura, que cantou os temas “À beira da minha rua” e “Brincos para brincar” na conferência de imprensa. Juntam-se ainda Adriano Pina e Milene à demonstração de talento português empenhado na música tradicional.

O Fado Cafe é o palco mais novo a ser implementado na 11ª edição do festival NOS Alive, que conta assim com sete palcos e uma programação especial para cada um.

O sétimo palco, o Fado Cafe, nasce da Rua EDP, uma parte do recinto onde se destaca um pouco do que é mais tradicional em Portugal. Sofia Vinhas, Diretora de marca do Grupo EDP, disse na conferência de imprensa que a Rua EDP é como “uma pequena vila” do festival que decorre no Passeio Marítimo de Algés e “um espaço de arte”.

Todos os bilhetes e passes do festival NOS Alive, que se realiza entre 06 e 08 de julho em Oeiras, já foram vendidos.